Pavlova de Natal: sabor e sofisticação na sua mesa

O Puro Leite20/11/2020

Para as comemorações de fim de ano, a nossa sugestão é fazer uma Pavlova de Natal, uma receita fácil, que vai deixar a sua ceia de natal ainda mais gostosa. É tão simples de fazê-la, que, ao receber elogios (que certamente virão), você vai ficar com orgulho de ter a escolhido em seu cardápio. 

Além de ser gostosa, a origem da pavlova também é curiosa. A receita foi inventada no final do século XIX, pelo renomado chef Auguste Escoffier, responsável pela cozinha de um hotel famoso naquela época, o Ritz, em Paris. O nome é uma homenagem à bailarina russa Anna Pavlova, símbolo de elegância e charme. 

Mas quem também disputa ser dona da origem da pavlova é a Nova Zelândia e a Austrália. Isso porque, em 1926,  a bailarina Anna Pavlova foi aos dois países interpretar o papel mais memorável de sua vida, A morte do cisne. Em homenagem à visita, foi criada a deliciosa e delicada sobremesa. O problema é que os dois vizinhos creditaram a si a criação, levando a disputa longe: ambos declararam a Pavlova seus pratos nacionais.

Enquanto os países ficam na disputa de quem inventou a Pavlova, que tal a gente aproveitar essa delícia?

Convidamos a chefe Flávia Gama da Chocolateria Brasil para reproduzir essa receita para vocês! Confira no vídeo abaixo.

Ingredientes

Ingredientes para o Merengue:

– 7 claras
– 1 xícara e 1/2 (chá) de açúcar

Ingrediente para o recheio (creme de confeiteiro):

– 04 gemas 
– ½ xícara de açúcar 
– ⅓ de farinha de trigo  
– 500ml leite Leite Pasteurizado Fiore Integral 
– Extrato de baunilha a gosto

Chantilly

– 450g de Creme de Leite Fresco Fiore

Montagem:

Frutas vermelhas variadas: morangos picados, amoras frescas e blueberries.

Modo de preparo

Merengue:

Em uma batedeira, coloque as claras com ½ xícara de açúcar e bata até que fique no ponto de neve bem firme. Depois colocar as claras em neve em uma vasilha e adicionar mais 1 xícara de açúcar e misturar a mão, deixando um creme bem fofinho. Forre uma assadeira de borda baixa com papel-manteiga. Despeje o merengue sobre o papel e espalhe-o, formando um disco alto de 21 cm de diâmetro. Com o auxílio de uma colher, forme uma cavidade no centro do merengue. Leve ao forno baixo (160°C), preaquecido, por cerca de 40 minutos ou até dourar bem a superfície. Deixe no forno até esfriar.

Recheio:

Em uma batedeira, coloque as gemas e o açúcar e bata até ficar um creme fofo. Depois, misture o trigo até ficar bem homogêneo. Enquanto isso, deixe o leite fervendo com a baunilha. Quando o leite estiver quase fervendo, desligue o fogo e misture-o aos poucos no creme. Quando você tiver jogado metade do leite, volte com o creme para o fogo médio até ele ficar em uma consistência cremosa. Ao terminar a mistura, deixe esfriar e cubra com um papel filme para ampliar a película do creme.

Chantilly:

Com o creme de leite bem gelado, bata bastante até ficar no ponto de chantilly.

Montagem:

Pegue a pavlova, espalhe o creme de confeiteiro por cima, em seguida, espalhe o chantilly e cubra com frutas vermelhas à gosto.

DICAS:

– Coloque as frutas apenas no momento de servir, para que elas não soltem água sobre o creme. Dessa forma, vai conservar a crocância da pavlova. 
– Caso seu forno seja mais potente, asse o merengue com a porta ligeiramente aberta.

Posts relacionados

https://opuroleite.com.br/por-que-voce-deve-inserir-a-coalhada-fiore-na-sua-alimentacao/

Por que você deve inserir a coalhada Fiore na sua alimentação?

https://opuroleite.com.br/receita-de-quiche-historia-e-sabor-inconfundiveis/

Receita de quiche: história e sabor inconfundíveis

https://opuroleite.com.br/cinco-motivos-para-voce-consumir-os-produtos-da-fiore/

Cinco motivos para você consumir os produtos da Fiore

O Puro Leite

A Fiore é um dos pioneiros na produção de leite tipo A no Brasil, e está localizada em Santa Teresa-ES.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.